quarta-feira, 20 de março de 2013

Livraria Giannino Stoppani, Bolonha

Há lugares que ocupam no nosso imaginário inteiros continentes. Lugares inspiradores, que nos enchem de sonhos, de viagens e de ideias, ainda que os conheçamos só de nome. A livraria Giannino Stoppani, dedicada exclusivamente à literatura para a infância e juventude, em Bolonha, é, para mim, um desses lugares.  
A “Libreria per Ragazzi Giannino Stoppani” foi fundada na década de 80 por um grupo de jovens mulheres e pedagogas. Rapidamente alargou a sua atividade, tornando-se uma cooperativa cultural e editora empenhada na formação e na curadoria de exposições (e catálogos) internacionais. Criou ainda a “Accademia Drosselmeier Scuola per librai e giocatolai” e o “Centro Studi di Letteratura per l’Infanzia”. Festeja este ano o seu 30º aniversário.



Pois ontem, abri finalmente esta porta e entrei nela de verdade, pela primeira vez. Levava comigo uma lista de livros que sabia que só ali iria encontrar. Encontrei praticamente todos esses e ainda trouxe mais alguns que nem sabia existirem e que me deixaram encantada!

Na semana da Fiera Internazionale del Libro per Ragazzi di Bologna, esta livraria organiza inúmeras atividades culturais e é lá que se encontram todos os livros que se descobriram e não se puderam comprar na Feira. Para a semana, vai estar a abarrotar, mas eu encontrei-a  com poucos  clientes, maravilhados, como eu, pela beleza dos seus livros.
Repararam na edição italiana de Nunca vi uma bicicleta e os patos não me largam, na foto aqui em cima? Chama-se Pedali e Papere. Aliás, o Planeta Tangerina é a editora portuguesa com maior presença na livraria Giannino Stoppani: muitos os livros em língua original e todos aqueles que já foram traduzidos para italiano.
Ontem, 19 de Março, dia do Pai, numa das montras, foi tão bom encontrar o Pê de Pai, de Isabel Minhós Martins e Bernardo Carvalho!

A verdade é que lá se encontra o melhor do que se vai fazendo em matéria de literatura infanto-juvenil em todo o mundo.

Sem comentários:

Publicar um comentário